• INSTITUCIONAL

  • SISTEMAS

  • SERVIÇOS

  • SEGMENTOS

  • PROJETOS SOCIAIS

  • VÍDEOS

  • CLIENTES

  • MINHA CONTA


Economize utilizando o novo aplicativo do governo do estado: Menor Preço

Publicado em 27/03/2018

Disponível gratuitamente para usuários de smartphones nas plataformas iOS e Android, o Menor Preço compara o quanto custa um mesmo produto em diversos estabelecimentos. Os preços são atualizados em tempo real, com base nos registros das Notas Fiscais do Consumidor Eletrônica (NFC-e). Atualmente, no Estado, 40 mil estabelecimentos já aderiram à NFC-e e emitem uma média mensal de 7 milhões notas fiscais.

Além de ser uma prestação de serviços à sociedade, o Menor Preço estimula a concorrência no varejo e combate a sonegação fiscal. Dessa forma, o aplicativo permite ganho efetivo do consumidor na hora das compras.


Funcionalidades

  • A busca inclui produtos desde eletrônicos até preços de combustível;
  • É possível consultar preços de estabelecimentos em todo o Estado;
  • A consulta é feita por código de barra ou apenas pesquisando pelo nome do produto;
  • Pode criar uma lista de produtos e pesquisar em diversos estabelecimentos;
  • Também é possível filtrar preços por valor mínimo e máximo, distância e data da venda;
  • Feita a escolha do estabelecimento, o aplicativo mostra o mapa, os locais mais próximos e o caminho a ser seguido para chegar ao endereço;
  • Também é possível compartilhar com amigos o resultado da busca.

Cadastro de usuário

Para pesquisas de preços simples não é necessário cadastro, mas para criar listas de compra antes é preciso fazer o cadastro do usuário no site do Programa Nota Paraná. Em breve será possível fazer o cadastro via Facebook ou Google.

Abrangência: O Menor Preço está disponível em todo o Estado do Espírito Santo. Mas, para efeito de pesquisa, o raio de abrangência é de até 20 quilômetros de onde está o usuário, que pode optar por reduzir essa distância.


Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica

A Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) é a versão totalmente eletrônica dos atuais documentos fiscais em papel utilizados no varejo.

A NFC-e abrange, exclusivamente, operações comerciais de venda no varejo a consumidor final, de forma presencial ou para entrega em domicílio, ocorridas no Estado. Apesar da obrigatoriedade de credenciamento ao sistema, o início da emissão da nota fiscal neste novo modelo pode acontecer até o dia 31 de dezembro, em razão de contribuintes possuírem o aparelho ECF.

Importante

Aqueles que não se adequarem estarão sujeitos a pena de cancelamento da sua inscrição estadual. Saiba mais sobre a obrigatoriedade do credenciamento aqui.




Economize utilizando o novo aplicativo do governo do estado: Menor Preço

Compartilhe:

 

 

Visitas: 288



ENTRE EM CONTATO